domingo, julho 01, 2012

BACHELARD, PATTI SMITH, VICTOR SOSA, NGOZI ADICHIE, DUVIGNAUD, DINA SALÚSTIO & LITERÓTICA


O AMOR ENGATINHANDO NA NOITE AZUL - De repente tudo fica deliciosamente excedente entre nós. A dimensão dela deixa tudo com ar de fantasia cosmogônica num idílio para lá de transcendental. E isso era mais que um sonho real. Toda a via-láctea ali, ao nosso dispor. E ei-la linda mameluca com sua angélica brancura na noite azul, com sua franzinice primaveril e uma gula gigantesca no seu olhar Sinéad O´Conoor, com as querências inauditas dos seus desejos mais secretos. Tímida com o querer maior que o mundo. Parceira de ir além da última curva do universo. Por um lapso de tempo nos espreitamos atraídos pelo mútuo ardor das carnes incendiadas de paixão. Quase não ser possível manter-me distante da sua provocação corpórea nua, com seus peitinhos de goiaba-boa que me enche a boca d´água e deságua no meu sexo como lança pronta para desferir o golpe certeiro. Impossível desgrudar daquele corpo que é um verdadeiro aconchego de gozo. Para minha grata surpresa, ela arqueia e sai engatinhando na minha direção: língua lambendo os beiços, olhos imantados no meu sexo. Ousei uma artimanha: recuei dificultando sua chegada. Mas ela engatinhou e sorriu safada como quem se dispunha a bordejar genuflexa entre as estrelas oníricas do nosso cenário jubiloso. Perseguiu firme ela por todos os cantos da cama, perseverou com desassossego até que com seu jeito Cristina Kirchner fermento do meu desejo a me envolver e se apoderar da minha emanação total, levando-me pelos limites do prazer. É quando ela jura todo o seu amor eterno e perjurando das suas para batizar-se nas minhas crenças, a se entregar por inteiro como quem vai pro carrasco no cadafalso da sua última hora. Ah, como tudo é tão bom! Bom demais. Muito demais. É quando todas as delícias degustadas, exauridas e satisfeitas, ela tão Marina Lima sela o nosso amor com um beijo de paixão. © Luiz Alberto Machado. Veja mais aqui, aqui e  aqui.

 

DITOS & DESDITOS - A vida humana não é a das colmeias ou dos formigueiros! Há mais coisas nessas cerimonias que parecem buscar resolver um enigma. Nos confins do vivido e do possível. Como é que esses espetáculos parecem visar para além da curiosidade, do respeito das tradições ou do prazer estético. Pensamento do sociólogo, escritor e dramaturgo francês Jean Duvignaud (1921-2007).

 

ALGUÉM FALOU: Quando nós rejeitamos uma única história, quando percebemos que nunca há apenas uma história sobre nenhum lugar, nós reconquistamos um tipo de paraíso. Pensamento da escritora e feminista nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie.

 

OUTRA VEZ - A contradição é o caminho mais claro para a verdade. Frase da cantora, compositora, poeta e artista visual estadunidense Patti Smith. Veja mais aqui e aqui.

 

POÉTICA - [...] Tarde demais compreendi. Tarde demais conheci a consciência tranquila no trabalho alternado com imagens e com conceitos, duas consciências tranquilas que seriam aquela em pleno dia e aquela que aceita o lado noturno da alma. Para gozar da dupla consciência tranquila, a consciência tranquila de minha dupla natureza, enfim reconhecida, seria necessário que eu pudesse fazer ainda dois livros: um livro sobre o racionalismo aplicado e um livro sobre a imaginação ativa [...]. Trechos extraídos da obra La poétique de la rêverie (PUF, 1993), do filósofo, crítico literário e epistemólogo francês Gaston Bachelard (1884-1962), que em outra obra sua, Lautréamont (José Corti, 1968), expressa que: o poeta, nas trevas, vê melhor sua própria luz. Veja mais aqui e aqui.

 

O IMPULSO – [...] Decepciono-me quando ergo o fone e, em vez do cálido silêncio, irrompe, pedestre a voz de um amigo e, pior ainda, de algum departamento institucional. Só desejo receber o negro e desnudo silêncio que se segue à chamada [...] Patologia do encantamento – esperar junto ao telefone um único chamado silencioso. Ansiar por esse momento para justificar o dia, justificar minha desordenada presença na casa. [...] Ganhei o terreno – o terreno do homem e, de alguma e de várias maneiras, o terreno do tigre. Fui tigre como o tigre refletido em meus olhos; e o tigre – pressinto-o -, foi, por um instante, humano em seu furor. [...] Trechos extraídos da obra O impulso: inflexões sobre a criação (Lumme, 2007), do escritor uruguaio Victor Sosa (1956-2020)

 

UM POEMA - Toco os teus campos de neve / e entrego-me aos fantasmas da minha infância / Religiosamente bebo a gota esquecida na palma / da minha mão. / Brisas subtis deixam em arcos tensos / as pétalas que me enfeitam. / E estupidamente me trazem ruas empedradas / veias do meu mundo / onde a bússola e o desejo se confundem / confundindo o destino de nós. / Na ternura das vozes que me envolvem / há um convite ao poema que não consigo. / E as tuas montanhas sacodem / lembranças de outras cavernas / gemendo a noitinha estórias / de aves fugindo e picaretas cantando, / murmúrios de piratinhas, / sussurros de prazeres dolorosamente cambiados em / mercado negro. / Pouco a pouco lês no meu olhar ausente / a existência de outra ilha / E sentes a minha fé / e o braço se afrouxa / perante o adeus que adivinhas / no silêncio do meu corpo. Poema da jornalista e poeta cabo-verdiana Dina Salústio (Bernardina Oliveira), uma das fundadoras da Associação dos Escritores Cabo-verdianos, assim como de diversas publicações literárias.

 

PROGRAMA DOMINGO ROMÂNTICO – O programa Domingo Romântico que vai ao ar todos os domingos, a partir das 10hs (horário de Brasilia), é comandado pela poeta e radialista Meimei Corrêa na Rádio Cidade, em Minas Gerais. Confira a programação deste domingo aqui. Na edição deste 01/07 do programa Domingo Romântico, uma produção da radialista e poeta Meimei Correa e apresentado por Luiz Alberto Machado, além de comemorar 2 mil membros parceiros no Grupo do Facebook, está com uma programação especial pra você, confira as atrações: Aarre Merikanto, Chico Buarque, Michelle Branch e Carlos Santana, Erik Satie, Chiquinha Gonzaga, Caetano Veloso e Milton Nascimento, Legião Urbana, Flávio Venturini, Djavan, Ivan Lins, Zezé Motta, Paula Santoro e Guinga, Marisa Monte, Roberto Toledo, Ana Moura, Dado Villa-Lobos e Paula Toller, Renato Motha e Patrícia Lobato, Titãs, Sarah Vaughan, Dalida, Sônia Mello, Nana Caymmi, Junior Almeida, Alceu Valença, Simony, Renato e seus blue caps, Luciana Soler, Josué Demétrio, Lucinda Prado, Ana Fumian e Adalton Miguel, Alê d´Ilê, Irah Caldeira, Jorge de Altinho, Marcus Caffé, Santanna, o Cantador, Zé Ripe, Maciel Mélo, Quinteto Violado & muito mais! Veja mais aqui.



Confira mais detalhes e veja outras edições do programa aqui.




Veja mais sobre:
Ginofagia aqui, aqui e aqui

E mais:
O presente na festa do amor aqui.
Primeiro encontro, a entrega quente no frio da noite aqui.
Primeiro encontro: o vôo da língua no universo do gozo aqui.
Ao redor da pira onde queima o amor aqui.
Por você aqui.
Moto perpétuo aqui.
O uivo da loba aqui.
Ária da danação aqui.
Possessão Insana aqui.
Vade-mécum – enquirídio: um preâmbulo para o amor aqui.
Eu & ela no Jeju Loveland aqui.
Todo dia é dia da mulher aqui.
O flagelo: Na volta do disse-me-disse, cada um que proteja seus guardados aqui.
Big Shit Bôbras aqui.
A chupóloga papa-jerimum aqui.
Educação Ambiental aqui.
Aprender a aprender aqui.
Crença: pelo direito de viver e deixar viver aqui.
É pra ela: todo dia é dia da mulher aqui.
A professora, Henrik Ibsen, Lenine, Marvin Minsky, Columbina, Jean-Jacques Beineix, Valentina Sauca, Carlos Leão, A sociedade da Mente & A lenda do mel aqui.
Educação no Brasil & Ensino Fundamental aqui.
Bolero, John Updike, Nelson Rodrigues, Trio Images, Frederico Barbosa, Roberto Calasso, Irma Álvarez, Norman Engel & Aecio Kauffmann aqui.
Por você aqui.
Eros & Erotismo, Johnny Alf, Mário Souto Maior & o Dicionário da Cachaça, Ricardo Ramos, Max Frisch, Marcelo Piñeyro, Letícia Bretice, Frank Frazetta, Ricardo Paula, Pero Vaz Caminha, Gilmar Leite & Literatura Erótica aqui.
Todo dia é dia da mulher aqui.
Fecamepa aqui e aqui.
Palestras: Psicologia, Direito & Educação aqui.
Livros Infantis do Nitolino aqui.
&
Agenda de Eventos aqui.

CRÔNICA DE AMOR POR ELA
Leitoras comemorando a festa Tataritaritatá!
Art by Íris Nefelibata.
Veja aquiaqui e aqui.

CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
Paz na Terra: 
 Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja  aqui e aqui.
 




ANNE-MARIE DE BACKER, EUGENIO MONTEJO, JASON STANLEY & ROALD DAHL

    TRÍPTICO DQP: A certidão da sobrevivência... Ao som do concerto Delicate Sound of Thunder - Live in New York (1988), da banda britâni...