Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2013

UMA APRENDIZAGEM OU O LIVRO DOS PRAZERES DE CLARICE LISPECTOR

CLARICE LISPECTOR (1920-1977)– Ler Clarice é dum prazer imenso; reler, nunca é demais: redescobertas. Principalmente: aprendizados. Essa adorável escritora consegue me embalar numa viagem insólita por seu feitiço artístico. E eu aterrisso renascido na última página de qualquer de sua obra.
Mesmo tendo nascido nas longínquas terras da Ucrânia, ela se dizia pernambucana. Era ela de origem judaica e duma família de fugitivos judeus da Guerra Russa dos anos 20. Talvez seja esse um dos pontos que mais me fascinam nos seus mistérios: os teores místicos, esotéricos.
Antes de morar no Rio de Janeiro, ela viveu em Maceió e Recife. Ao se formar em Direito, optou pela Literatura. Seu primeiro conto foi publicado em 1940 na Revista Pan, quando passa a trabalhar na Agência Nacional. Três anos depois se casa com Maury Gurgel Valente que se torna diplomata, passando a morar na Itália, depois na Inglaterra, Estados Unidos e Suíça. Só em 1959 ela se separa do marido e volta ao Rio de Janeiro, onde pas…