sábado, julho 05, 2008

SÁBATO, EXUPÉRY, EFLAND, ALICE RUIZ, SOROLLA, LITERÓTICA & PROEZAS DO BIRITOALD

 
A arte do pintor espanhol Joaquin Sorolla y Bastida (1863-1923).

LITERÓTICA – ELA NUA NA MANHÃ – Quando me procuras alucinada com teus desejos incontroláveis e teu semblante de deusa manhosa no cio, eu já te espero insone desde sempre para redimir meu suplício de querer-te robusta tenda do meu viver. Vem, meu amor, que eu te persigo enlouquecida e nua para te fazer protagonista do meu triunfo perante a nobreza do teu corpo febril e desarvorado. Vem, meu amor, vem me fartar com tua ardência rara e latejante da tua carne trêmula para me refugiar em tuas sinuosidades na acolhida dos teus braços aconchegantes apertado ao teu seio de mamilos cheios a me recolher no teu jeito singelo de me agasalhar no teu útero entusiasmado. Vem, meu amor, que quero me sentir alentado pelo roçar de tua superfície sedosa sobre meu membro teso, me deleitando com a seiva do teu monte de Vênus que se contrai e se expande às minhas investidas acrobatas como troco de nossa entrega. Vem, meu amor, que me esfregarei no teu fogo enquanto te contorce a clamar pelo meu nome com sabor de calda de morango na tua boca estuosa que faz da manhã de setembro o mar das nossas reinações. Vem, meu amor, que o dia faiscando na luz dos teus olhos revelam meu gozo prenhe de paixão. AMAR VOCÊ - Amar você é minha festa porque é a maior maravilha do universo o seu amor. Por isso você é a minha religião, meu credo, minha devoção; a sintonia do meu dial, meu porto de abrigo na chegada, o meu pouso, o meu combustível para viver. Amar você é o meu prêmio porque você é a camisa 10 da minha predileção, craque de fazer embaixadinhas de mim, firulas, banhos de cuia, toques de arrodeio, marcando de letra e a me deixar extasiado com seu gol de placa na minha paixão. Você é a pole position na minha preferência, sempre largando na frente, batendo recorde em todas as voltas e recebendo a bandeirada da minha mais exaltada satisfação. Você é a obra-prima da natureza representada na mulher de Copacabana com seus olhos de mar, seu feitio sedutor, seu riso cativante, sua grandiosa generosidade. Amar você é a minha vida. OUTRA CRÔNICA DE AMOR PRA ELA - Foi ela quem me deu a vida quando eu não sabia de nada. Foi ela quem me deu o sorriso quando eu tomava pé do mundo e das coisas, olhos grandes sobre tudo. Dela aprendi a lição do amor quando tudo era novo e eu dependente do seu jeito, agarrado ao cós da saia sem saber para onde ir. E me fiz menino atado ao seu estímulo, crescendo como dádiva dos que precisam. E virei garoto atento embaixo das saias com o meu fascínio a 40 graus de curiosidade e perseguição. A nudez dela me levou pelas frestas, fechaduras, brechas, combongós, cumeeiras, basculantes, escondido por cima do muro no quintal da vizinha, até saber-me pronto para o deleite. Ela sempre foi a minha festa com seus cabelos sedosos de ventos. Com seus olhos de manha cheios de ternura. Com suas feições dóceis de pele macia. Com seus lábios salientes dos beijos mais expostos. Ela sempre o meu refúgio nos seus ombros aconchegantes. Com seus seios angelicais de todas as frutas do pomar. Com seu ventre de sol alumiando meu destino. Foi dela que recolhi todas as estrelas brilhantes que me encantavam os sonhos e a esperança, quando eu cantava Fonte como se não tivesse mais saída. Foi dela que aprendi a acolhida na cilada das horas, quando eu andava perdido saindo pra outra depois de um chega pra lá. Pra mim ela se fez meu tudo e eu grato dei meu coração e toda minha vida. © Luiz Alberto Machado. Direitos reservados. Veja mais aqui.


A arte do pintor espanhol Joaquin Sorolla y Bastida (1863-1923).

PENSAMENTO DO DIA – Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas. Pensamento do escritor, ilustrador e piloto francês Antoine de Saint-Exupéry (1900 – 1944). Veja mais aqui.

A ARTE - [...] As metáforas estabelecem conexões entre objetos e eventos aparentemente não relacionados; são encontradas em todos os campos de estudo, inclusive a arte. A projeção metafórica é o meio pelo qual o pensamento abstrato aparece. Isso é importante porque explica como o pensamento abstrato, a cognição humana, pode emergir de experiências corpóreas e sensoriais. [...] O que é tipicamente referido como a mais alta ordem do pensamento, os grandes entendimentos chamados abstratos e razão descorporalizada, têm origem a formação de imagens esquemáticas na experiência corpórea. [...]. Trecho extraído de Art and cognition: integrating the visual arts in the curriculum (NAEA, 2002), do professor estradunidense Arthur Efland (1942-2009). Veja mais aqui.

A LOUCURA DE DEUS – […] Deus teve um ataque de loucura e todo seu universo se quebra em pedaços, entre uivos e sangue, entre imprecações e restos mutilados. Volta a pensar em Toríbio, volta a repetir sua oração infantil, como se ela pudesse ter força naquele inferno. Onde estava Deus? Que queria provar com o suplício, com o estupro de um ser tão humilde como Esther? Que queria dizer? Talvez quisesse dizer algo a todos, mas não conseguiam compreender. [...]. Trecho extraído da obra Abadon, o exterminador (Francisco Alves, 191), do escritor e artista plástico argentino Ernesto Sábato (1911-2011), último volume da trilogia iniciada com O túnel (1948) e Sobre heróis e tumbas (1961), uma narrativa que se passa ao longo de um único dia em Buenos Aires, em 1973, mas há referências à Segunda Guerra Mundial, à Guerra do Vietnã, assim como a personagens de livros anteriores. Veja mais aqui.

TEU CORPO SEJA BRASA - teu corpo seja brasa / e o meu a casa / que se consome no fogo / um incêndio basta / pra consumar esse jogo / uma fogueira chega / pra eu brincar de novo. Poema da poeta, letrista e tradutora Alice Ruiz Scherone. Veja mais aqui.


A arte do pintor espanhol Joaquin Sorolla y Bastida (1863-1923).


PROEZAS DO BIRITOALDO




Veja mais sobre:
Cocão do padre, Darcy Ribeiro, Oswald de Andrade, Hilda Hilst, Éric Rohmer, Belchior, Rosamaria Murtinho, Zouzou, Isadora Duncan & Zsigmond Kolozsvary aqui.

E mais:
Cantiga do mamoeiro & outras loas aqui.
Fecamepa no aluado mundo mágico aqui.
A arte de Catarina Maul aqui.
Miolo de pote: na volta da Teibei, filosofia de boteco aqui.
Antecipação da tutela aqui.

CRÔNICA DE AMOR POR ELA
 Leitora comemorando a festa do Tataritaritatá!
Veja aqui e aqui.

CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
 Paz na Terra:
Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja  aqui e aqui.


CERNUDA, BAUMAN, AHMED SEFRIOUI, SANTANA, ACKERMAN, DAVID GISTA & BIBLIOTECA

OS FANTASMAS DA BIBLIOTECA – Imagem: Him Again , do pintor francês David Gista . - Ao regressar para minha terra, resolvi fazer uma resid...