quinta-feira, agosto 14, 2008

A ARTE DE CLAUKY SABA


MUSA DA SEMANA: CLAUKY SABA


CLAUKY SABA - Ela nasceu Claudia Ferreira em Londres, sob o signo de Leão, num dia de 1971.Ela depois virou Clauky Saba:É poeta, multiartista: atriz, cantora, produtora cultural e publicitária. Atua no universo alternativo da poesia, da música e do teatro com o grupo SaubaSauers e no Movimento inVerso. Ela é a esfinge em movimento inverso.


DECIFRA-ME OU DEVORO-TE

Poeta que sou
acostumada estou
a escrever descrever
pessoas e seus momentos,
coisas e seus movimentos.

Porém nunca dantes
em meus versos mutantes
havia sido escrita descrita
em palavras de outrem

Pois que me levem além
do arco-íris-sur-ton
da alegria no tom
da poesia com som

Livre imagética vocabular,
luz inspiração lunar,
desanuvia minha mente,
expresse como sente,
dicionário a me decifrar...

“Decifra-me ou devoro-te”


O NOVO EM CIO

Solto um grito pra dentro.
O oco do eco acusa o vazio
latente em meu peito.

Qual um imóvel que se aluga...
Há lugar para tudo e nada
numa sala sem memória.

O cheiro do novo me comove...
É como um buquê de possibilidades
que perfuma e decora o ambiente.

Nada mais presente
do que o momento-agora
em movimento constante.

Rumo ao desconhecido
mundo fora do casulo
liberto minhas asas...

e

pulo.


ANDO VARIANDO

andam dizendo por aí que eu ando variando.
só porque eu sou eu e sou muitas eus,
em meu estilo básico louco romântico
inconstante depressivo maníaco
neurótico e bacana?

ando variando,
ora pé, ora cabeça
mudam de idéia,
mudam senso e direção.

ando variando,
ora amanheço, ora tardo,
mas, não falho,
só vario.

vario porque sou várias eus,
esfinges e coliseus,
indecifráveis, mas, fascinantes!

amo todas as minhas faces
como se nunca as tivesse visto antes.

sem recalques nem percalços,
ando com meus pés descalços.

Ela edita o blog Arte em toda parte.
VEJA MAIS:
MUSA DA SEMANA



Veja mais sobre:
Dignidade humana aqui, aqui e aqui.
Educação aqui, aqui e aqui.
Meio Ambiente aqui, aqui, aqui, aqui e aqui.

E mais:
Pra saber viver não basta morrer, Leonardo Boff, Luchino Visconti, Emerson & Lake & Palmer, Núbia Marques, Felicitas, Pedro Cabral, Psicodrama & Teatro Espontâneo aqui.
Literatura de Cordel: História da princesa da Pedra Fina, de João Martins de Athayde aqui.
A arte de Jozi Lucka aqui.
Robimagaiver: pipoco da porra aqui.
Dhammapada, Maslow, Educação & Responsabilidade civil da propriedade aqui.
O romance e o Romantismo aqui.
A arte de Syla Syeg aqui.
Literatura de Cordel: Brasi caboco, de Zé da Luz aqui.

CRÔNICA DE AMOR POR ELA
 Leitora comemorando a festa do Tataritaritatá (Arte: Ísis Nefelibata)
Veja aqui e aqui.

CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
Paz na Terra: 
 Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja  aqui e aqui.


RILKE, HUYSSEN, MARIA IGNEZ MARIZ, ANTÔNIO PEREIRA, LUCIAH LOPEZ & ARTE NA PRAÇA

PRIMEIRO ENCONTRO: MEU OLHAR, SEU SORRISO – Imagem: arte da poeta, artista visual & blogueira Luciah Lopez . - Da tarde a vida fez-se ...