segunda-feira, março 31, 2008

DUFRENNE, BALZAC, STRAVINSKI, HILDA HILST, THEODORE GERICAULT, ÂNGELO CANTÚ, CONSUMIDOR, EROTISMO & BEIJO

 
A arte do artista plástico Ângelo Cantú (1881-1955). Veja mais aqui.

BEIJO – Imagem: The Kiss, art by Theodore Gericault - “(...) Colada à tua boca a minha desordem. O meu vasto querer. O incompossível se fazendo ordem. Colada à tua boca, mas descomedida... (...) eu te sorvo extremada à luz do amanhecer”. (Hilda Hilst, Do desejo). - Dos lábios rubros dela, ah botão de rosa convidativo, o mormaço do desejo escaldante que me contagia e meu coração bate furioso para dizer alguma coisa, não há de dizer nada, apenas beijá-la, um beijo além da foto de Eisenstaedt, um beijo real para lá dos de concreto de Rodin, um beijo além da poesia. Ah, dos lábios rubros dela carne da minha boca mil vezes toda química do afeto e eu suplicante mais que 200 pulsações cardíacas, enlouquecendo para morder seus mamilos, abocanhar seus suspiros, até os seus pecados e é só o que respiro. Ah, o beijo e dela nua e linda, o beijo da mulher amada ateando meu incêndio e eu com a mão no fogo inextinguível na boca demolidora dos lábios inguinais onde sou raio de corisco enquanto ela troveja no que sou de canibal. O beijo dela eu devoro a carne fresca da mulher amada e desliza em sonhos e chove a nossa torrencial descarga de suor que vem da cascata de desejo. O beijo dela e o meu na flor provocativa da boceta que orvalha escarlate de todo sangue vivo pelo azougue de vitalidade do útero acolhedor de égua assustada, acuada, fugidia com seu jeito veloz de eviscerar fragrâncias refugiando minha loucura. O beijo e eu na mulher amada, o rosto, o riso, os seios, o corpo todo e a gente nenhuma âncora decolando no tempo piromaníaco, onde a gente faz a festa na ferocidade do cio, um ao outro a refeição do dia e eu, os lábios dela, a vida dela, o gozo dela. © Luiz Alberto Machado. Direitos reservados. Veja mais aqui.


PENSAMENTO DO DIATemos um dever para com a música: inventá-la. Para mim, compor é uma tarefa cotidiana. Do mesmo modo como um órgão que não é usado com regylaridade tende a se atrofiar, os dotes criadores de um compositor mingual se ele não se sujeita a um treino diário. Muita gete crê que é preciso esperar a inspiração para poder criar uma obra. Não nego que exista a inspiração. É uma força impulsora, necessária em todas as atividades humanas, e que não constitui propriedade exclusiva do artista. No entanto, ela só se manifesta quando é estimulada pelo esforço. Pensamento do compositor e maestro Igor Stravinski (1882-1971). Veja mais aqui, aqui, aqui e aqui,


PENSAMENTO DO DIA 2Quando você ouvir falar em real, não pense que a inclusão bateu à sua porta e que tudo será melhor daqui pra frente! Nada disso, melhor se precaver: a realidade é muito dura e pode virar mais que uma protuberância ineivada e fuderosa no seu oiti-goroba de crédulo idiota, viu? Pense nisso e durma com um barulho desse, viu? Depois nun diga que SantAntonho lhe enganou, tá?

A ARTE E O REAL – [...] se a arte atinge o real, o real a isso se presta. Como o real impregna o artista, pode-se dizer que a arte impregna o real: a realidade que a obra ilumina, essa realidade em que mais constantemente vivemos, é com efeito um mundo cultural em que os objetos usuais aproximam-se dos objetos estéticos, as casas dos castelos, os campos dos jardins, os ruídos da rua dos concertos, mesmo o usual é marcado pelos empreendimentos da ate, a ponto de não serem facilmente discerníveis as suas fronteiras. Por conseguinte, não causa surpresa que o mundo do objeto estético aplique-se ao real. Seguramente a arte orienta e aguça nossa percepção desse real [...]. Trecho extraído de Fenomenologia da experiência estética (PUF, 1967), do filósofo e esteticista francês Mikel Dufrenne (1910-1995). Veja mais aqui.

MISSÃO DA ARTE – [...] A missão da arte é não copiar a natureza mas expressá-la [...] Temos de captar o espirito, a alma, a fisionomia das coisas e dos seres. Os efeitos! Os efeitos! Eles são os acidentes da vida e não a vida. [...] Nem o pintor, nem o poeta, nem o escultor devem separar o efeito da causa, que estão invencivelmente um dentro do outro! A verdadeira luta aí está! [...] A beleza é uma coisa severa e difícil, que não se deixa atingir assim; é preciso esperar suas horas, espreitá-la, apressá-la e enlaça-la estreitamente para forçá-la a se render. [...]. Trecho extraído da obra A obra-prima desconhecida (Flammarion, 1981), do escritor do Realismo francês Honoré de Balzac (1799-1850). Veja mais aqui e aqui.

FALA O MENDIGO(O que me disse a senhora lua) / Vinde, comamos o pão do ócio. / Vinde, sentemos à beira da fonte. / Algumas flores ficarão em vigília, / alguns dos pássaros cantarão. / Vinde comamos o pão que ninguém procurou / por mais de cinquenta anos / os homens se apressem para fugir às fores / e até às indolentes lágrimas. / Tanto se apressam que não têm amores / não podem praguejar e nem ouvir - / Morrem seus corações na adolescência / sem túmulo nem epitáfio. / Meu pão os torna descuidados / sem preocupação pelo tempo / suas pálpebras pesarão / suas cabeças cheias de versos. / Cada alma, mística roseira, / ou curiosa árvore de incenso: / vinde, comamos, o pão do ócio! / Assim me disse a senhora lua. Poema do poeta estadunidense Vachel Lindsay (1879-1931).


A arte do artista plástico Ângelo Cantú (1881-1955). Veja mais aqui.




MACEIÓ E + 6 CAPITAIS NA ROTA DA DENGUE!!! - Em matéria na edição de sábado, 28/03, de O Globo está estampada a manchete: Sete capitais correm risco de epidemia de dengue! Diz a matéria que 30 cidades, espalhadas pelos estados de Roraima, Piauí, Maranhão, Tocantins, Bahia, Ceará, Alagoas e Pará, vivem o risco de expansão da dengue tipo 2. Já as capitais que têm essa combinação são Porto Velho, São Luís, Fortaleza, Maceió, Salvador, Belém e Palmas. Além disso, é fluente já a existência de uma tipologia de dengue que prolifera agora em águas sujas. Vixe! Agora é que vai ser uma hecatombe mesmo! Principalmente em Maceió onde a praia é o principal mijacagador tornando-se verdadeiro esgoto público e o Salgadinho que está pronto pra fabricar a mortandade que as autoridades, elites e políticos alagoanos tanto desejam praaquele povo. É triste, mas é verdadeiro, lamentavelmente. Veja mais como tratam Maceió e Alagoas.



MINHA NOSSA, DÁ PRA ENTENDER? - Uma coisa que não cabe no meu juízo estropiado: o vice-presidente José Alencar que as taxas de juros cobradas no Brasil são criminosas! Aí eu pergunto: se ele que é vice, se o vice que é um vice, se ele que é uma autoridade do Governo diz o que diz e não se faz nada, então, quem devia fazer alguma coisa, hem? Quem? Este é o Brasil do FECAMEPA!



MINHA NOSSA, DÁ PRA ENTENDER II? - Uma reportagem do Financial Times comenta que foram adquiridos pela elite de São Paulo mais de 330 mil helicópteros só no ano passado. Segundo a revista, o total da frota de São Paulo agora chega a ser estimado em 6 milhões!!!!! Eita, que país é esse, hem?



PASSANDO AS CATANAS: USA JÁ ERA!! - Tá na cara que o império norte-americano ruiu e foi pro saco muito tarde, mas faltam avisar isso às autoridades e elites brasileiras! Afinal, já dizia Chico Anysio: Brasil, letra por letra, quer dizer: Bravos Rapazes Americanos Silenciosamente Irão Levando. E agoa que eles estão falidos, hem?



ATENÇÃO CONSUMIDOR: O site CONSUMIDOR reúne os canais de comunicação, ou seja, telefone, mail, site e ouvidoria de 3 mil empresas brasileiras divididas em mais de 50 segmentos. Vamos botar a boca no trombone e mostrar pra elas e pra outras tantas que a gente não agüenta mais!!!!!



Veja mais sobre
Todo dia é dia do idoso, Darcy Ribeiro, Annie Besant, Stephen Spender, Rita Cléos, Prosper Mérimée, Nicolaes Berchem, Alessandro Stradella, Paz Vega, Hanz Kovacq & Literatura Infantil aqui.

E mais:
Junichiro Tanizaki, Asha Bhosle, Sandra Werneck, Márcio Baraldi, Louis Jean Baptiste Igout, Vilmar Lopes, Luis Francisco Carvalho Filho, A mundialização da cultura, Internet & Inclusão, Gestão do capital humano, Lucy Lee & Raimundo Fontenele aqui.
A aventura do Zé Bilola pra vereança aqui.
Por um novo dia, Herminio Bello de Carvalho, Brian Friel, Julia Lemmertz, Paolo Sorrentino, Ismael Nery, Bruno Steinbach, J. R. Duran, Iremar Marinho de Barros, Rachel Weisz & O papel do professor e a sua formação na prática pedagógica aqui.
Doro Presidente aqui.
Tolinho & Bestinha: Quando Bestinha enfiou-se na bronca da vida e num teve quem desse jeito aqui.


CRÔNICA DE AMOR POR ELA
 Leitora fanzaça parabenizando o Tataritaritatá!
Veja aqui e aqui.



CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
Paz na Terra
Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja  aqui e aqui.

CERNUDA, BAUMAN, AHMED SEFRIOUI, SANTANA, ACKERMAN, DAVID GISTA & BIBLIOTECA

OS FANTASMAS DA BIBLIOTECA – Imagem: Him Again , do pintor francês David Gista . - Ao regressar para minha terra, resolvi fazer uma resid...