segunda-feira, junho 04, 2012

POR UM NOVO DIA & OUTRAS SACADAS



POR UM NOVO DIA – Todo dia é dia de pensar e agir em favor da vida. Por isso trazemos Paulo Freire: “Ninguém se liberta sozinho. Ninguém liberta ninguém. Os homens se libertam em comunhão”.


FIM DOS LIXÕES – A Política Nacional de Resíduos Sólidos, comandada pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, está em franco desenvolvimento e harmonizada com a Lei Nacional de Saneamento Básico (Lei nº 11.445/07), a Lei de Consórcios (Lei nº 11.107/05) e seu Decreto regulamentador (Decreto nº. 6.017/2007), além de inter-relacionada com as Políticas Nacionais de Meio Ambiente, de Educação Ambiental, de Recursos Hídricos, de Saúde, Urbana, Industrial, Tecnológica e de Comércio Exterior, e as que promovam a inclusão social. Esse marco regulatório faz distinção entre resíduo (lixo que pode ser reaproveitado ou reciclado) e rejeito (o que não pode ser reaproveitado). Seu maior desafio é acabar com os lixões, para implantar aterros sanitários, incluindo os catadores de materiais recicláveis no processo de reciclagem. A realidade: mais de 60% dos Municípios brasileiros ainda conseguem tratar os resíduos de forma adequada (só?!?) e somente 900 prefeituras possuem algum tipo de coleta seletiva. Em cima da bucha faço uma proposta de planejamento estratégico: nas eleições de 2012 vamos limpar os Legislativos Municipais. Na de 2014, a gente limpa, saneia e renova o Congresso Nacional. Nessa balada a gente aproveita para em 2016 abrir as caixas pretas do Executivo e Judiciário em todos os seus níveis. Detalhe: não necessariamente nessa ordem porque não é uma ciência exata, mas eu mesmo já vou optando pelo Voto Moral.


O EVANGELHO SEGUNDO PADRE BIDIÃO – Às escondidas o padre Bidião libera alguns manuscritos do seu controverso Evangelho. Eis o flagra de uma adepta da Igreja Bidiônica (Imagem Gustavo Rosa).


AYN RAND: NADA DE NOVO SOB O SOL - "Quando você perceber que, para produzir, precisa obter a autorização de quem não produz nada; quando comprovar que o dinheiro flui para quem negocia não com bens, mas com favores; quando perceber que muitos ficam ricos pelo suborno e por influência, mais que pelo trabalho, e que as leis não nos protegem deles, mas, pelo contrário, são eles que estão protegidos de você; quando perceber que a corrupção é recompensada, e a honestidade se converte em auto sacrifício; então poderá afirmar, sem temor de errar, que sua sociedade está condenada". Frase da escritora, dramaturga, roteirista e controversa filósofa do Objetivismo norte-americano de origem judaico-russa Ayn Rand (1905-1982), escrita em 1920 e recolhida pelo Jornal dos Amigos.


ELUCUBRAÇÕES PÓS-MODERNAS - “[...] Para mim, não há dúvidas. Somos uma espécie parcialmente racional, que tem muito medo, medo da morte, medo do desconhecido, medo do escuro, mas que também é muito presunçosa. Ao contrário de muitos animais, acreditamos que o universo foi criado para nós, e isso nos convenceu de que nada foi por acaso. Nós temos que ser o centro, o objeto de tudo. É claro! Entre nosso medo e nosso egoísmo, é muito fácil vender a religião para nós. E é muito difícil perceber que isso é besteira. [...] Então, com o uso da religião, a invenção da divindade, você pode disfarçar o que obviamente seria uma ditadura débil e hipócrita criada pelo homem [...]”. Palavras do jornalista e escritor inglês Christopher Hitchens numa entrevista à jornalista Elizabeth Carvalho, recolhida pelo poeta e ensaísta Cicero Melo.


ICONOCLASTIA – “Xuxa: Graça sem graça [...] eu achei graça a confissão ter partido da mesma mulher que, há 30 anos, ensina meninas de oito anos a balançar seus traseiros, de modo sensual e vulgar, dançando ao som de funks de 'cachorras, poderosas e tchutchucas', que ela, Xuxa, divulgou para o Brasil inteiro em seus programas 'infantis'. [...] Eu sempre defendi a tese de que o lugar de Xuxa é na cadeia: crime de lesa-infância. Primeiro, é analfabeta. [...] Depois, com as 'atrações' medíocres e inconvenientes com que ela alimentou a platéia de fãs, Xuxa perverteu, corrompeu e erotizou precocemente milhões de crianças, principalmente meninas. [...] Agora, Xuxa fica defendendo criancinha, dizendo lutar para que elas não possam levar palmada de pai e mãe. Pater poder não é concessão do Estado. Eu dei palmada na bunda de meus filhos para educá-los e nunca joguei nenhum pela janela. Também nunca os deixei ver Xuxa. Nunca. E mais: o pai de meus filhos é o homem que eu escolhi para viver, construir uma família e amar para sempre. Não o escolhi como 'reprodutor' de plantel”. Palavras da jornalista Mirian Macedo.



Veja mais sobre:
Federico Fellini, Teophrastus Paracelso, Érico Veríssimo, Mario de Andrade, Domenico Cimarosa, Gerd Bornheim, Ewa Gawlik, Giulietta Masina, Márcio Baraldi & Neila Tavares aqui.

E mais:
Todo dia é dia da educação aqui.
O alvoroço do poema na horagá do amor aqui.
O trabalho e a sua organização aqui.
A terrina da paixão aqui.
Os equívocos dos filhos de Caim aqui.
Eu & ela no sufoco da alcova aqui.
Todo dia é dia da mulher aqui.
Fecamepa aqui e aqui.
Palestras: Psicologia, Direito & Educação aqui.
Livros Infantis do Nitolino aqui.
&
Agenda de Eventos aqui.

CRÔNICA DE AMOR POR ELA
Leitoras comemorando a festa Tataritaritatá!
Art by Ísis Nefelibata
Veja aqui e aqui.

CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
Paz na Terra: 
 Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja  aqui e aqui.



ANNIE BESANT, RAMOS ROSA, ARTHUR MILLER, TORERO, LORI KIPLINGER PANDY & VLAHO BUKOVAC

IARAVI & A LUA – No dia que a apaixonada cunhã Iaravi perdeu o caminho de volta pra sua casa caingang e se desencontrou do seu amado F...