domingo, junho 16, 2013

ALEJO CARPENTIER, GUDRUN GUT, ROSA PÉREZ & LITERÓTICA

A MAGIA DO RITUAL DO AMOR - O seu mistério é o meu doce predileto. O meu refrigério. Tudo é repleto de magia quando ela chega com a sua carne trêmula, o seu olhar pidão, quando ela encena toda sua manifestação nos seus lábios saborosos que se esfregam nos meus abismos para nascer em mim o meu poema mais vigoroso, para que eu seja o seu almoço e jantar, seja a sua gula de nunca se empazinar numa eterna dança onde as suas pernas molhando o estio e o seu corpo esguio em quais lençóis desvelando o universo mágico recôndito sob a saia nascendo a fornalha que me abrasa por inteiro e a me fazer timoneiro insone por todo seu percurso abissal. É pra lá de legal quando alcanço toda sua majestade e ela já sem qualquer identidade desliza sobre mim com sua graça de querubim se agachando enquanto eu sussurro meu derradeiro verso obsceno ao seu ouvido. É aí que ela vira um mar revolto com ondas letais. É aí que ela perde o anjo e a domesticação dos animais para virar fera insaciável, com seu ritual inigualável a brincar de dares e tomares. Ritual onde ela me entrega a fechadura e faz de mim a sua chave caindo de boca sobre a minha lâmina iluminada e a cada abocanhada dou-lhe a lapada com a lapa do meu poder até desaguar abundante a invadir todas as cercanias amantes porque ela deu-me o prazer ao beber minha vida na festa de viver. © Luiz Alberto Machado . Direitos reservados. Veja mais aquiaqui.

 


DITOS & DESDITOS - A música para mim é como uma linguagem secreta, uma forma de entender o mundo que os músicos não percebem da mesma forma, nós sentimos mais...Pensamento da DJ, Produtora Musical e musicista alemã Gudrun Gut.

 

ALGUÉM FALOU: O associativismo entre as mulheres criadoras de música eletrônica tem sido fundamental para nos impulsionar e dar a conhecer. O papel secundário que temos na indústria faz com que seja um dos grandes desafios que esta rede que conseguimos forjar nos sirva verdadeiramente para quebrar fronteiras. Somos vistas como a cota de participação feminina que deve ser atingida nos festivais e não queremos ser a cota. Somos artistas e criadores, assim como existem artistas e criadores. Temos que derrubar essa forma de pensar no masculino e no feminino porque senão não conseguiremos avançar. Somos todas pessoas que propõem pensamentos críticos através do trabalho. Tem muitos criadores que estão fora do mercado e é aí que está a originalidade. O mercado pressiona muito quando se trata de apresentar ideias originais. Por isso, onde não há pressão é onde se encontra a criatividade mais espontânea. Pensamento a jornalista cultural e DJ espanhola Rosa Pérez.

 

O REINO DESTE MUNDO – […] No Reino dos Céus não há grandeza a conquistar, pois ali tudo é hierarquia estabelecida, claro desconhecido, existência sem fim, impossibilidade de sacrifício, descanso e deleite. Por isso, sobrecarregado de dores e Tarefas, belo na sua miséria, capaz de amar no meio das pestes, o homem só pode encontrar a sua grandeza, a sua medida máxima no Reino deste Mundo. [...] E agora ele entendeu que o homem nunca sabe por quem ele sofre e espera. Ele sofre, espera e trabalha por pessoas que nunca encontrará, e que por sua vez sofrerão, esperarão e trabalharão por outras que também não serão felizes, pois o homem sempre anseia por uma felicidade além da porção que lhe é dada. Mas a grandeza do homem está justamente em querer melhorar o que ele é. Na imposição de tarefas. No reino dos céus não há grandeza a conquistar, pois ali tudo é hierarquia estabelecida, claro desconhecido, existência sem fim, impossibilidade de sacrifício, descanso e deleite. Por isso, sobrecarregado de dores e tarefas, belo na sua miséria, capaz de amar no meio das pestes, o homem só pode encontrar a sua grandeza, a sua medida máxima no reino deste mundo [...] O deus dos brancos manda no crime. Nossos deuses nos pedem vingança. […] Para começar, a sensação do maravilhoso pressupõe uma fé. Aqueles que não acreditam em santos não podem ser curados com milagres de santos […]. Trechos extraídos da obra The Kingdom of This World (Farrar Straus Giroux, 2006), do escritor, ensaísta e músico cubano Alejo Carpentier (1904-1980). Veja mais aqui.

 


UM POEMERÓTICO & UM DEPOIMENTO LASCIVO DELAAH, AQUELE DIA – Ah aquele dia, e que jamais esquecerei \ Nunca pensei que pudesse sentir tanto desejo,\ Acordando na madrugada e precisando de ti,\ acariciando seu pênis \ enquanto dormias... \ O desejo liderando todos os meus gestos,\ alisando com carinho o que é meu\ beijando a pontinha de tua glande\ E depois insuportável desejo ousado\ não suportei , nossos corpos nus e\ ao seu lado ergui-me para levá-lo\ à minha boca passeando a língua sedenta\ No teu pênis já inchado de prazer.\ Depois de tantos momentos de prazer,\ nas manhãs, tardes e noites\ precisava de ti naquele momento,\ Irresistível momento de desespero.\ E não resisti tu ao meu lado e suprimi\ qualquer timidez ao sentir teu pênis\ em minha boca, premente de saciedade\ e tu afastando para não ejaculares ainda\ Mudamos de posições e pude sentir mil vezes\ os gozos a nos transtornarem em gemidos,\ o desejo transformado em saciedade\ Como jamais poderei esquecer esse momento? \ Está em meus pensamentos e na minha fonte,\ ainda hoje úmida ao lembrar-me o maior prazer\ sentido em minha vida e querendo repeti-lo novamente\ com mais força e desenvoltura a nos enlouquecer. DEPOIMENTO - Ah como me lembro daquele dia inesquecível. Dormimos depois de saciados por prazeres mil. E acordei com um desejo imenso de tê-lo novamente e beijá-lo todo você. Fiquei olhando inebriada você dormindo até que não aguentei mais e passei as mãos cariciosamente em seu pênis, e não aguentei mais, levantei a cabeça e alcancei com minha boca “o que é meu”. Você acordou com ele ereto. E me deu mais vontade de fazer malabarismos com minha língua nele. Nem que passe mais vinte anos deixarei de sentir essa sensação forte e maravilhosa, quando me lembro a urgência de meu desejo, mesmo já tendo gozado mil vezes com você naqueles dias. E até agora, nesse exato momento sinto a forte gula de minha língua e sensações que jamais serão olvidadas. Minhas pernas entrelaçadas nas suas, o desejo a se expandir e a convicção dessa paixão insana que sente a mesma intensidade quando penso nesse episódio de nosso amor. E muitas e muitas vezes que eu estava ali, querendo você todo com minha vagina esperando ansiosa e febril entre orgasmos e o meu corpo inteiro desejando com desespero oferecendo “minha bundinha”, pernas, coxas, seios, os beijos em anseio e me entregando totalmente enlouquecida ao seu “priápico” desejo. Eu também, meu amor, lembro, sinto e quero desesperadamente tudo de novo. E como quero tudo e muito mais. Eu queeeeeeeeeeeeeero tudo de novo!... Poema e texto da escritora Vânia Moreira Diniz. Veja mais aqui, aqui e aqui.

 

PROGRAMA DOMINGO ROMÂNTICO – O programa Domingo Romântico que vai ao ar todos os domingos, a partir das 10hs (horário de Brasilia), é comandado pela poeta e radialista Meimei Corrêa na Rádio Cidade, em Minas Gerais. Confira a programação deste domingo aqui.



SERVIÇO: O que? Programa Domingo Romântico.
Quando?  Todos os domingos, a partir das 10hs.
Onde? Cidade FM Apresentação: Meimei Corrêa. 


Veja outras edições do Domingo Romântico 


Veja mais sobre:
Amor imortal na Folia Tataritaritatá, Manuel Bandeira, Pedro Nava, Carlo Goldoni, Cacá Diégues, Carybé, SpokFrevo Orquestra, Luís Bandeira, Ana Paula Bouzas, Tatiana Cañas, Carnaval & Claudia Maia aqui.

E mais:
Jacques Prévert, A Paz de Ralph M. Lewis, Milton Hatoum, Eric Fischl, Jonathan Larson, Monica Bellucci, Madhu Maretiore & Sônia Mello aqui.
Fecamepa & Óleo de Peroba, Educação & Hilton Japiassu, Bresser Pereira & A psicanálise de Leopold Nosek aqui.
Erro médico & dano estético aqui.
A literatura de Hilda Hilst aqui, aqui, aqui e aqui.
O pensamento de Carl Rogers aqui e aqui.
O ativismo de Rosa Parks aqui.
A personologia de Henry Murray aqui.
Poetas do Brasil aqui, aqui e aqui.
Todo dia é dia da mulher aqui.
A croniqueta de antemão aqui.
Fecamepa aqui e aqui.
Palestras: Psicologia, Direito & Educação aqui.
Livros Infantis do Nitolino aqui.
&
Agenda de Eventos aqui.

CRÔNICA DE AMOR POR ELA;
Leitora Tataritaritatá"
Veja mais aquiaqui e aqui.

CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
Paz na Terra:
Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja os vídeos aqui & mais aqui e aqui.



NATALIE GOLDBERG, ANA MARÍA RODAS, HELEIETH SAFFIOTI, HOMENS & CARANGUEJOS

    Imagem: Acervo ArtLAM. Ao som da Fantasia Sul América para violino solo (2022), do compositor Cláudio Santoro; do Canto dos Aroe (20...