sexta-feira, dezembro 26, 2014

POESIA SEM PELE, DE LAU SIQUEIRA



CONCEITO

Não alongo
Poemas
Apenas curto
No máximo
Surto

CURUPIRA

O medo é um galope saindo das trevas
Como quem foge não sabe de quê
O medo é um sol imenso no céu
E uma boca escancarada para a sede
O medo é a possibilidade de enfrentá-lo

POETRIA

Poema é face descoberta
De tudo que pulsa
Poema é atitude permanente
Em tudo que passa
(que massa)

TEORIA LITERÁRIA

Das águas turvas
Nascerá o que não brota
Nos jardins e nos prados
Onde a vida punga
Como equação do silêncio

FRAGMENTES

Escrevo poemas
Para guardar memória
Dos instantes invisíveis
Partidos em milhares
De cacos mínimos
Escrevo poemas
Para não lembrar disso
Para não esquecer
Também

NA PELE DO RIO

A solidão
É uma pedra
No meio duma tempestade
Imóvel provação dos ventos
Escuridão que não fere
E tantas vezes absorve
O limo
Coisa roendo os ossos
Testando o limite que
Alimenta o ar

OLHAR DE ARRANJO

Até a derradeira silaba
Caminho no que estimo
Levar-nos a um silêncio
Não exatamente mudo

EQUILÍBRIO

Quando voar sobre
Incêndios
Não derrete minhas
Asas

LAU SIQUEIRA – O livro Poesia sem pele, do poeta Lau Siqueira traz o prefácio Uma poesia toda nua, da professora de Poesia Brasileira da Universidade Estadual Paulista (UNESP) de São José do Rio Preto, comprovando a maestria e maturidade do poeta. Mais um excelente livro lançado em 2011 pela Casa Verde, um presente entregue pelos poetamigos Carmen Presotto e Adriano Nunes.

Veja mais:
Lau Siqueira Poeta do Mês


Veja mais sobre:
Carl Gustav Jung, Giórgos Seféris, Euclides da Cunha, Mario Vargas Llosa, Fito Páez, Cacaso, Anne Rice,Alexej von Jawlensky, Antônio Conselheiro, Flávio de Barros, Dana Delany & Big Shit Bôbras aqui.

E mais:
Sócrates & a sofística no pensamento grego aqui.
Pirangi, Rabelais, Máximo Gorki, Jocy de Oliveira, Cícero, Ítala Nandi, Patrice Chéreau, Konstantin Razumov, Kerry Fox, Tchello D´Barros & Família Eudemonista aqui.
A justiça & a injustiça aqui.
Violência aqui.
O pensamento de Demócrito de Abdera aqui.
Serviço Público & Nênia de Abril aqui.
O pensamento de Anaxágoras de Clazomena aqui.
Aprumando a conversa na volta da Teibei & lorotas prontas do Brasilsilsilsil aqui.
O pensamento de Empédocles de Agrigento aqui.
O pensamento de Zenão de Eléia aqui.
Do que foi pro que é quase nada, Friedrich Nietzsche, Vaughan Williams, Suzanne Valadon aqui.
Coisas do sentir que não são pra entender, Marco Túlio Cícero, Emil Nolde & Nivian Veloso aqui.
O que é de sonho quando real, Yukio Mishima, Marisa Rezende & David Alfaro Siqueiros aqui.
O beijo dela de sol na minha vida de lua, José Régio, Ceumar & Luciah Lopez aqui.
Gato escaldado pra se enturmar é um pé na frente e outro atrás, Sonya Bach, Mariana Beltrame & Umberto Boccioni aqui.
Odisseia de um curau no Oriente Médio & Alexej von Jawlensky aqui.
Fecamepa aqui.
Um verso desesperado de amor, Raymundo Alves de Souza & Programa Tataritaritatá aqui.
As cinzas de Gramsci, de Pier Paolo Pasolini aqui.
Epigramas de Goethe, Seminário de Lacan, Princípio do Prazer de Freud & Produtos CCE aqui.
Poema em linha reta & outros poemas de Fernando Pessoa aqui.
Tomás de Iriarte, Gerusa Leal & Programa Tataritaritatá aqui.
História da mulher: da antiguidade ao século XXI aqui.
Palestras: Psicologia, Direito & Educação aqui.
A croniqueta de antemão aqui.
Fecamepa aqui e aqui.
Livros Infantis do Nitolino aqui.
&
Agenda de Eventos aqui.

CRÔNICA DE AMOR POR ELA
Veja Fanpage aqui & mais aqui e aqui.

CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja os vídeos aqui & mais aqui e aqui.



ANNIE BESANT, RAMOS ROSA, ARTHUR MILLER, TORERO, LORI KIPLINGER PANDY & VLAHO BUKOVAC

IARAVI & A LUA – No dia que a apaixonada cunhã Iaravi perdeu o caminho de volta pra sua casa caingang e se desencontrou do seu amado F...