segunda-feira, novembro 05, 2012

FOUCAULT, MARY VIEIRA, FERNANDO PAIXÃO, ROSERLEI, ASSÉDIO MORAL, PSICODRAMA, FLIMAR, EDUCAÇÃO & SÍNDROME DE BURNOUT



Arte da exposição da premiada artista representante da arte cinética Mary Vieira (1927-2001), O Tempo e o Movimento (1954).

ROSERLEI, ROSERLEI – Roserlei, Roserlei, seria inspiração feito uma atração de lady ciboney que jamais capturei na minha prospecção. Seria uma revelação que nunca desvelei que eu jamais medrei na horta do meu leirão. Seria uma remissão que sempre amealhei, seria a redenção para minha grei. Seria veneração feito um prelúdio em dó sustenido menor pelos os dias que abalaram o mundo dos Sergeis a me fazer maior dos reis a ditar leis na freguesia como cantam as fantasias da minha ostentação. Nada, Bei de Tunes sempre fui, eu sei, é meu refrão. E sem razão, assim teimei. Em vão errei no meio da cavilação. Virei cristão sem eira que perdeu a devoção. Sem oração, eu me pelei pela musa nas vias de Monterrey. Ali pequei para não ter salvação. E fiz canção como quem doura o seu teitei. E fui teibei como quem goza na nissei a felação. Como quinhão: uma Jennifer Hawkins nua nas ruas de Sidney. Nem me roguei, joguei logo a confissão: sou falso frei, não tenho salvação. Não parei não, há muito trepei noite alta na égua mulata e desmontei. E acertei: nela fui o pônei maior que alazão. Fui campeão nas orgias com meu Siboney na mão: para sansei! Eu lhe dei e ela provou como quem gostou da refeição. Não deu outra não: eu nada sei de quem nunca amou para John Gay. Roserlei, Roserlei, seria uma paixão pomo a que dei menino pra professora do rincão. E que gozei,  Por muitas vezes lambuzei a mão. Desde então. Ih! Saquei, a minha perdição. Roserlei, Roserlei, seria uma canção que eu jamais cantei. Mas eis que homem feito pelo fogo de cancão, sou mais forte que o maior Sansão, para enaltecer: - ei, mulher linda! Espere ainda, hoje sou só emanação. É que a sua altaneira expressão me pegou, eu me toquei e então,  você é mulher entrevinda na minha exaltação! © Luiz Alberto Machado. Veja mais aqui.

POEMA DE FERNANDO PAIXÃO – No livro Poeira (34, 2001), do poeta Fernando Paixão, destaco o poema 11: Eu permaneço ao vosso lado/ mãe: / assistindo mulheres tecerem / astros no tapete / corre a noite fora do galpão / as mãos trabalham antigas astrologias / sob o clarão-planeta das lamparinas / algumas daquelas mulheres / se distraem com as histórias / de pessoas / idas / ou levadas ao gume das estrelas.

HISTÓRIA DA SEXUALIDADE DE MICHEL FOUCAULT – A obra História da sexualidade é um estudo realizado pelo filosofo e historiador francês Michel Foucault, reunido em três volumes e tratando acerca da sexualidade ocidental. No primeiro volume intitulado a vontade saber, trata sobre a visão vitoriana, a hipótese repressiva, scientia sexualis, o dispositivo de sexualidade, direito de morte e poder sobre a vida. No segundo volume, denominado o uso dos prazeres, trata do assunto da problematização moral, dietética, econômica, erótica, o verdadeiro amor. No volume três, o cuidado de si trata sobre sonhar com os próprios prazeres, a cultura de si, o corpo, a mulher, os rapazes, uma nova erótica, entre outros assuntos. REFERÊNCIA: FOUCAULT, Michel. História da sexualidade. Rio de Janeiro: Graal, 1988. Veja mais aqui. Veja mais aqui e aqui.

ASSÉDIO MORAL – Para tratar desse tema num trabalho acadêmico faz-se necessário efetuar uma revisão da literatura com uma abordagem histórica e conceitual acerca do tempo ao longo dos tempos, configurar sob o aspecto da dignidade humana, abordar sobre a competitividade sem limites buscando apontar as características e modos em que se dá o assédio moral e as suas consequências, a legislação vigente e o abuso de direito, analisando a perspectiva no contexto das relações de trabalho. Veja mais aqui.

PSICODRAMA NAS ORGANIZAÇÕES – O livro O trabalhador no mundo contoporaneo: psicodrama nas organizações (Ágora, 2004), de Lucia Almeida, aborda temas como a realidade contemporânea e o mundo do trabalho, socionomia & enfoque educacional, o processamento dialógico de uma experiência socionomica, analise cientifica de uma experiência socionomica, estratégias interdisciplinares, entre outros assuntos. Veja mais aqui.

EDUCAÇÃO, PROFESSOR & SÍNDROME DE BURNOUT– Uma pesquisa voltada para abordagem da temática Síndrome de Burnout, suas causas e consequências, especialmente no âmbito da atividade profissional docente. Justifica-se a realização do presente estudo em razão da incidência em alta escala dessa enfermidade entre os obreiros, resultante das adversidades estressoras que acometem todo aquele no desempenho de suas atividades profissionais, não poupando o trabalho árduo e persistente de professores no âmbito escolar. Objetiva tratar acerca das causas e consequências da Síndrome de Burnout, notadamente a sua incidência no trabalho do profissional da educação. A metodologia empregada no presente estudo compreende uma pesquisa descritiva e bibliográfica, realizada através de uma revisão da literatura, disponível nas fontes impressas e da internet abordando toda dimensão da temática proposta. Pretende, com isso, além de observar as causas, consequências, diagnósticos e tratamento da doença, procurar focalizar a prevenção e a qualidade de vida do professor, bem como o papel da escola nas questões preventivas e de promoção da saúde no contexto de suas atividades profissionais. Veja mais aqui e aqui.



III FLIMAR - Acontecerá entre os dias 28 de novembro e 2 de dezembro de 2012, a Festa Literária de Marechal Deodoro - III Flimar, no histórico município de Marechal Deodoro, Alagoas. A programação contará com abertura no auditório do Espaço Cultural Santa Maria Magdalena da Alagoa do Sul, envolvendo palestras, Banda de Pífano, shows no tablado da Orla Lagunar, apresentações de rua, oficinas, debates, Literatura de Cordel, cinema, concerto de música lírica, fórum, Encontro de Safoneiros, entrega de prêmios, grupos folclóricos, Flimarzinha, atividades literárias nas escolas, feirinha de cultura e literatura, lançamento de livros, exposições de pinturas e fotografias, biblioteca ambulante e campanha de doação de livros, entre outras atividades até o dia 02 de dezembro de 2012.

 

Veja mais sobre: 
Big Shit Bôbras, Machado de Assis, Bocage, Pablo Picasso, Milton Nascimento, Alfredo d'Escragnolle Taunay, Mike Featherstone, Fox Harvard, Julia Broad, Alessandra Maestrini, João Falcão & Maria Martha aqui.

E mais:
Henry Miller & 30 anos de arte cidadã aqui.
Quarto poema de amor pra ela aqui.
O Direito aqui.
Emma Bovary & Gustave Flaubert aqui.
A criação do mundo aqui.
Cantiga de amor pra ela aqui.
Crônicas palmarenses: gratidão aos professores aqui.
A pobreza aqui.
Saúde no Brasil aqui.
Dois poemas pra ela nua sexta-feira meio dia em ponto aqui.
Aos professores da gramática portuguesa aqui.
Eu & ela a festa do amor aqui.
A trajetória da mulher aqui.
Padre Bidião e o fim do mundo aqui.
A croniqueta de antemão aqui.
Todo dia é dia da mulher aqui.
Fecamepa aqui e aqui.
Palestras: Psicologia, Direito & Educação aqui.
Livros Infantis do Nitolino aqui.
&
Agenda de Eventos aqui.

CRÔNICA DE AMOR POR ELA
Veja aqui e aqui.

CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
Paz na Terra: 
 Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja  aqui e aqui.




DRUMMOND, RIMBAUD, LEMINSKI, MARITAIN, GILVAN LEMOS, JACOB DHEIN, GENÉSIO CAVALCANTI, CARIJÓ & SÃO BENTO DO UNA

CARIJÓ, SÃO BENTO DO UNA – Imagem: Céu de São Bento do Una , de Renatinha @Renatalcaet – Carijó, meu amigo, minhas mãos limpas e esta mis...